quarta-feira, 11 de março de 2009

Arisa - Sincerità (2009)

Alguns artistas são tão especiais que ouvindo apenas alguns segundos de uma música já nos sentimos em uma atmosfera mágica. Foi o que aconteceu no 59° Festival della Canzone Italiana di Sanremo. Poucos segundos depois da cantora Arisa, que concorria na categoria “Proposte”, começar a cantar o público presente no Teatro Ariston já a acompanhava com palmas. A apresentação, mesmo para quem não estava no teatro, foi emocionante: a menina tímida, insegura e estranha, conseguindo envolver a platéia do Ariston melhor do que outras filhas de artistas famosos ou que já tinham participado de reality-shows.

O resultado foi justo e a música interpretada por Arisa, Sincerità, venceu o Sanremo na categoria em que concorria.

E no dia 20 de fevereiro de 2009, a cantora que tem como nome de batismo Rosalba Pippa, lançou o seu primeiro álbum: “Sincerità”.

Admito que antes de ouvir o cd estava com certo receio, pelo simples medo de me decepcionar. Mas, felizmente, os meus temores eram totalmente infundados. O cd é tão encantador quanto a canção apresentada no Sanremo, e voz da Arisa é impecável.

A primeira faixa do cd é, Sincerità, o verdadeiro destaque de todo o Sanremo. A faixa seguinte é Io sono. Esta é uma música especialmente doce e simpática. “Io sono una donna che crede all’amore, che vuole il suo uomo soltanto per sé, voglio essere mamma perché la mia mamma è la cosa più bella che c’è/ Eu sou uma mulher que acredita no amor, que quer o seu homem apenas para si, quero ser mãe porque a minha mãe é a coisa mais bonita que existe”. Essa é a parte do refrão de Io sono, que me fez ter a certeza de que eu não me decepcionaria com Arisa.

La mia strana verità
, a terceira faixa, tem um tom que remete às fábulas e que a cantora da pequena cidade de Pignola mostra mais uma vez toda a delicadeza de sua voz.

Abbi cura di te é a música mais pop do álbum, está longe de ser considerada uma canção ruim, mas, talvez por destoar das demais, não tem o mesmo encanto que o resto do cd.

A quinta música, Pensa così, é quase uma fábula cantada, que conta história de borboletas, pavões, corvos e outros animais. Poderia facilmente estar em um cd destinado a crianças, entretanto é uma música tão adorável, que rapidamente lembra quem está ouvindo que aquele é o cd da mais nova revelação italiana. Pensa così ainda tem, nos segundos finais, uma “brincadeira” da cantora.

Piccola Rosa
é outra música que mostra o grande potencial, não com agudos potentes, mas com uma delicadeza emocionante, da vencedora da categoria Proposte.

Te lo volevo dire é a única faixa que trata de uma desilusão, neste caso, amorosa, ainda assim o ritmo da canção é alegre, como todo o álbum.

Com’è facile
, a antepenúltima música do cd, é a que mais se parece com Sincerità, no que diz respeito è letra, e a que tem uma das melodias mais alegres.

Em L’uomo che non c’è, Arisa canta a inexistência do homem tão idealizado pelas mulheres e tem o mesmo tom mágico que predomina no cd, o que por um momento nos faça esquecer que a música é “L’uomo che non c’è” e não “L’uomo che c’è”.

E o álbum se encerra com uma das canções mais bonitas, Buona notte, o que não poderia ser mais propício, pois “Sincerità” é um álbum que nos leva para uma atmosfera mágica. Nada mais justo então que a última canção nos deseje uma boa noite, como se deseja a uma criança que vai dormir depois de escutar a sua fábula preferida.

Outro fato a se destacar no álbum é que as músicas são curtas, a mais longa, Pensa così, tem 4 minutos e 33 segundos, e mais da metade das músicas presentes no álbum tem menos de 3 minutos e meio.



Sincerità” é o ótimo primeiro álbum de uma cantora que provavelmente terá uma carreira brilhante. Que tem uma voz linda, e que canta sem querer aparecer mais do que a sua música, não recorrendo assim a agudos desnecessários apenas para mostrar o quanto sua voz é potente. E para quem fica na dúvida se Arisa tem uma voz potente ou não, compartilho a informação de que com 16 anos Rosalba Pippa venceu um concurso cantando “My All” de Mariah Carey.
E é assim, com a bela voz de Arisa cantando músicas envolventes que percebemos que o Festival di Sanremo, apesar das injustiças, ainda nos presenteia com grandes artistas.

Melhor(es) faixa(s): Sincerità; Buona notte; Io sono.
Pior(es) faixa(s): Abbi cura di te.
Nota do álbum: 8.5

Site oficial: http://arisa.warnermusic.it/
Outro(s) site(s): http://www.arisaweb.com/home.htm

5 comentários:

DriGoiabinha disse...

Olá equipe do blog "Musica Italiana"!
Vi um link do blog antigo na comu da Giorgia(no Orkut), e de lá vim parar aki... rsrs
Adoreeeei o blog! Eu que sou "brasileira curiosa"(rs) e também adoro música italiana achei aqui bem interessante, porque vocês apresentam cantores que não são tão conhecidos no Brasil... Já recomendei no meu blog e estarei sempre por aqui!
Abbraccio!

Thay disse...

Oi, DriGoiabinha! Seja muito bem-vinda!!!
Ficamos feliz em saber que você está gostando do nosso blog.
Uma das nossas principais metas é divulgar cantores italianos que não são famosos aqui, mas também falaremos dos "famosões". Ou seja, falaremos da boa música italiana sem dar preferência por "fama".
Agradecemos a sua recomendação!!!

Abraços!!!

Thay
Equipe Música Italiana

Constancia disse...

Olá, eu estudo italiano e na semana passada meu professor nos presenteou com a música sincerità,linda, bem cantada, doce, tudo que a gente precisa para relaxar, achei uma delícia e não pude deixar de pesquisar na internet, foi quando encontrei vocês, agora vocês estão nos meus favoritos. Obrigada pelas dicas e informações.

Thay disse...

Olá, Constancia!!!
Bom saber que já estamos entre os seus favoritos! Nem precisa agradecer as dicas e informações, pois gostamos do que fazemos!
Volte sempre e sinta-se em casa!!!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.